Aumente seu conhecimento no mundo equestre

Junte-se a milhares de apaixonados por cavalos. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Cuidados específicos com cavalos

A criação de equinos, mantendo-se os animais, garanhões e éguas soltos, juntos e livres pelas pastagens, obviamente, não é a mais aconselhável. Esse tipo de criação não possui nenhum controle de cobertura, e é denominada extensiva.

 O ideal é que se proceda à criação racional, ou equinocultura, onde se aplicam técnicas mais adequadas, de acordo com o tipo de criação e se estabeleçam os objetivos.

 Para que haja melhor resultado, devem-se levar em conta as melhores técnicas de manejo e se observar essas práticas em todas as fases da reprodução.

Idade para a reprodução

 Aos 18 meses, na puberdade, os potros já se encontram em condições de reproduzir, entretanto, a idade ideal pra o início do processo deve ser aos dois anos de idade. Já as éguas somente devem ser levadas ao acasalamento, aos dois anos e meio, pois a parição deve acontecer aos 3 anos e meio ou 4 anos.

Cio

 O período em que as éguas permitem o acasalamentoé quando estão no cio, porque é justamente quando estão aptas a conceber, ou seja, a engravidar, ou enxertar.

Os principais sintomas do cio são vulva e vagina congestionadas, que secretam um líquido viscoso, lubrificante e com cheiro característico, que atrai os machos. A égua relincha a toda hora, em pequenos espaços de tempo e lança jatos de urina, fica mais inquieta, tendo a temperatura vaginal aumentada. Ela costuma procurar o macho, e, muitas vezes, perde o apetite.

A repetição do cio é a cada 30 dias e sua duração varia de 8 a 10 dias. Mesmo em gestação, algumas éguas podem apresentar o cio, entretanto, não devem acasalar, pois isso pode prejudica-la, causando o aborto.

Cobertura

 É importante que o reprodutor esteja sempre bem alimentado, com boa saúde. Com uma média de 3 coberturas por semana, um garanhão sadio chega a cobrir até 50 éguas por ano, desde que se mantenha sempre ativo e faça exercícios diários. As coberturas podem acontecer em liberdade, à mão ou mistas.

Gestação

 Se coberta por um cavalo, os períodos de gestação de uma égua podem ser de mais ou menos 11 meses. Caso a cobertura seja de um jumento, para a produção de um muar, a gestação é de 12 meses. Elas devem ficar em pequenos pastos, planos e limpos ou em potreiros, em locais de fácil acesso, e sob total vigilância, principalmente, no período próximo dos partos.

Castração

 A castração do potro deve ocorrer depois que seus testículos "descerem", alojados na sua bolsa escrotal, ou seja, por volta dos dois anos de idade, mais ou menos, pois nessa fase o potro sofre menos e corre menos riscos de acidentes operatórios.

Por volta dessa idade, ocorrem, também as principais mudanças físicas. Sua cabeça fica mais bonita, mais expressiva e mais perfeita. O pescoço torna-se mais fino, fazendo-o mais elegante. As crinas, mais desenvolvidas, se apresentam mais brilhantes. O potro fica mais musculoso, o que o torna muito mais belo.

A doma dos potros só deve acontecer quando estiverem completamente desenvolvidos, o que varia de acordo com a raça a que pertencerem.

 

Fonte: Rural News

 Adaptação: Escola do Cavalo  

Conheça o Curso de Manejo Nutricional de Equinos ( Alimentos e Alimentação)

Veja outras publicações da Escola do Cavalo:

Alimentação alternativa para Equinos Inseminação Artificial em Equinos Transferência de embriões em Equinos

Reprodução

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo equestre gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2018 Escola do Cavalo. Todos os Direitos Reservados.