Aumente seu conhecimento no mundo equestre
Junte-se a milhares de apaixonados por cavalos. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.


Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Aprenda os procedimentos necessários nas emergências com cavalos

É muito importante o comportamento do profissional de veterinária diante de uma emergência com os cavalos. Em casos de se cuidar de uma ferida, por exemplo. As atitudes iniciais podem prevenir maiores danos e otimizar a cicatrização.

Manter o animal calmo é primordial para se evitar novas e mais graves lesões, conduzindo-o a um local mais tranquilo e que lhe seja familiar. Isso pode minimizar seu sofrimento. Ele pode se distrair, caso receba feno.

A presença de um auxiliar pode facilitar o trabalho no atendimento ao cavalo principalmente se ocorrer algum ferimento ao atendente, ao tentar conter o animal, o que é bastante comum.

A ferida deve ser muito bem analisada, avaliando-se a sua profundidade, localização e  severidade. O veterinário deve ser solicitado em caso de sangramento excessivo, ferimentos que ultrapassem toda a espessura da pele, feridas próximas às articulações, se houver perfurações ou se a ferida estiver contaminada por objetos enferrujados, por exemplo.

Antes de tentar retirar objetos perfurantes, faz-se necessário o contato com o profissional de veterinária, pois há riscos de hemorragias. Utilizar apenas compressas frias, nesse caso. Jamais utilizar algodão, somente panos limpos, ao tentar estancar algum sangramento.

Medicamentos podem colocar a vida do animal em risco, por algum sangramento severo, portanto, somente o médico veterinário estará autorizado a fazê-lo.

As lesões oculares, obrigatoriamente, deverão ser atendidas somente pelo veterinário.

Se houver material perfurante no casco, deve-se limpar, consultar o veterinário, antes de tentar removê-lo, porque pode se aprofundar e dificultar sua retirada.

Apenas uma solução antisséptica está recomendada, a iodopovidina a 1%, enquanto se aguarda o atendimento do veterinário.

A vacina antitetânica deverá ser aplicada no animal ferido.

  Fonte: CPT Cursos presenciais Adaptação: Revista Veterinária.  

Conheça o Curso de Diagnóstico de Claudicação em Equinos

Veja outras publicações da Escola do Cavalo:

 Aprenda como casquear um cavalo Tendinite em equinos: O que fazer? Saiba mais sobre as doenças de pele em equinos    

Clínica e Saúde

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo equestre gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Escola do Cavalo. Todos os Direitos Reservados.