Aumente seu conhecimento no mundo equestre
Junte-se a milhares de apaixonados por cavalos. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.


Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

A importância do alongamento em Equinos

Um programa diário de alongamento passivo é benéfico a todos os cavalos, sejam utilizados para o prazer ou para o esporte. O alongamento passivo em equinos pode restaurar as fibras do músculo ao seu comprimento original, resultando na escala de movimento eficiente, que é importante em todos os aspectos do desempenho atlético.

A perda do comprimento original acontece quando um músculo ou um grupo de músculos ficam presos em uma contração contida, por um período de tempo prolongado, e as fibras do músculo não podem mais, por muito tempo, trabalhar a seu comprimento normal e a escala de movimento pode ficar comprometida. Isso também pode ocorrer com todo tipo de ferimento, doença, ajuste incorreto da aderência, devido à adaptação comprometida ou aos problemas dentais, fadiga de trabalho ou de viagem.

É importante que o cavalo esportista suporte exercícios atléticos, apontando resistência a ferimento que é motivado por exercícios repetidos, que resultam na fadiga. Isso porque a fadiga dos músculos faz com que os tendões tornem-se, especialmente, esticados cada vez mais, o que aumenta a vulnerabilidade aos ferimentos.

Pesquisa mostrou que alongamento seguido do exercício pode reduzir o efeito de DOMS (início atrasado do soreness do músculo), percebido, geralmente, dentro de 48 horas após ferimento. A prática do alongamento logo após o exercício demonstrou uma redução na atividade elétrica no músculo, de acordo com as leituras de superfície do electromiografia.

Um estudo piloto mostrou também que um programa de alongamento diário aumenta, significativamente, o comprimento da andadura, o que é interessante para todas as disciplinas equestres, pois uma andadura mais longa resulta em uma redução na expansão da energia durante o exercício, com uma redução subsequente na fadiga. Para o cavalo da modalidade do adestramento a aparência estética é melhorada com uma extensão maior.

Todo tipo de alongamento deve ser realizado quando os músculos e tecidos moles estão mornos. Alongar um músculo frio pode provocar um rasgamento dentro das suas fibras, pois, quando os tecidos não estão mornos, o reflexo myotatic do estiramento impede que o músculo estique seu comprimento funcional com eficiência. Os alongamentos, após exercícios, devem ser realizados antes que o cavalo esteja refrigerado completamente.

É seguro alongar antes do exercício, só quando o cavalo é aquecido assim por muito tempo. Se o cavalo estiver esticado antes do trabalho, o tempo de 'warm-up' total pode ser reduzido. O alvo de uma estadia de warm-up é esticar tecidos para permitir que as articulações trabalhem em sua escala total do movimento. Se isso for feito com a aplicação de alongamento passivo, o tempo de warm-up montado real pode ser reduzido, o que possibilita menos estresse no sistema músculo-esqueletal e conserva energia.

No trabalho com varas, as distâncias e as alturas podem ser alteradas para induzir um grau mais elevado de coleção ou de extensão. No entanto, é importante notar que todos os exercícios devem ser realizados por um profissional treinado, por que as técnicas incorretas podem causar mais dano do que benefícios.

O alongamento não deve ser feito quando o cavalo estiver com lesões sem diagnóstico, com ferimentos recentes com áreas quentes ou de inchadas ou onde o cavalo visivelmente demonstra incômodo com os movimentos.

Os exercícios devem ser introduzidos lentamente. A preensão inicial não deverá ser prolongada, ficando no máximo de 5 segundos, aumentando até 30 segundos. É importante que os exercícios sejam realizados diariamente, porque a aplicação intervalada provoca efeito reduzido no tecido do músculo.

Considerando que a maioria dos cavalos gosta do alongamento, alongar é uma maneira de manter o divertimento e o esporte, desde que não haja ferimento. Em geral, o alongamento pode ser realizado durante o exercício, à disposição ou montado.

  Fonte: SKS Promoções Adaptação: Escola do Cavalo  

Conheça o Curso de Diagnóstico de Claudicação em Equinos!

      Veja outras publicações da Escola do Cavalo: Quais são os princípios básicos alimentares dos Equinos? Casqueamento em Equinos. Por que fazer? Appaloosa: uma raça equina de fama e glamour      

Anatomia de Equinos

De: R$ 350,00

Por: R$ 284,00

         

Clínica e Saúde

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo equestre gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Escola do Cavalo. Todos os Direitos Reservados.