Aumente seu conhecimento no mundo equestre
Junte-se a milhares de apaixonados por cavalos. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.


Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Sesp adquiriu 30 cavalos para o trabalho de policiamento ostensivo da PM na Copa em Cuiabá

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública do Estado (Sesp) um dos primeiros projetos na área de segurança pública voltado para copa de 2014 está sendo colocado em prática.  A Sesp adquiriu trinta cavalos para o trabalho de policiamento ostensivo da Policia Militar durante o evento em Cuiabá.

A previsão é que comecem a atuar antes da Copa, já nas festas de Natal e Ano Novo no estado. Os animais eram do Rio Grande do Sul e passam por um período de adaptação e, em seguida, serão treinados para poder ir às ruas.

No treinamento, os cavalos devem se acostumar com a fumaça, fogos, explosivos, entre outras técnicas, para aprender a andar junto com o policial de forma tranquila. "Eles devem trabalhar sem se assustar ou causar qualquer alteração no serviço", disse o subcomandante do Regimento e instrutor dos policiais, capitão PM Fernando Schulz Galvão.

Os cavalos estão acomodados na Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), em Cuiabá, que, segundo o comandante do Regimento , possui a estrutura ideal para os animais, além de estar localizada em um ponto estratégico da cidade.

Para a Copa, a intenção é ter 60 cavalos e 120 policiais militares atuando no Regimento de Policiamento Montado, tanto que com os 30 novos cavalos, mais 55 policiais militares devem passar a fazer parte da nova forma de policiamento, sendo 30 deles para atuar diretamente com o policiamento ostensivo montado.

O Regime de Policiamento Montado será um dos grandes legados da segurança pública após a Copa do Mundo. "Os cavalos ajudam na contenção de tumultos e na sensação de segurança da população", avaliou o secretário de Estado de Segurança Pública, Diógenes Curado Filho.

Os cavalos são ideais para a atividade de policiamento montado. "Eles possuem porte alto, temperamento dócil e resposta rápida aos comandos, além de pelagem e idade adequadas à atividade para a qual serão empregados", explicou Alberto de Barros Neves, tenente-coronel da PM, comandante do Regimento.

A ronda montada possibilita ao policial uma maior visibilidade. O tenente-coronel esclarece que "por ficar em um patamar mais elevado, o policial avista e é visto de longe, sem falar no fácil acesso ao trânsito, em meio à multidão e controle de distúrbios civis, evitando o uso de uma tropa de choque.

Fonte: G1

Adaptação: Escola do Cavalo

 

 

 

Conheça o Curso de Transferência de Embriões em Equinos 

        Veja outras publicações da Escola do Cavalo: Como cuidar de potros órfãos Equinos - Em busca da alimentação perfeita Cuidados com a superalimentação de potros

Artigos

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo equestre gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Escola do Cavalo. Todos os Direitos Reservados.