Aumente seu conhecimento no mundo equestre
Junte-se a milhares de apaixonados por cavalos. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.


Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Contenção de equídeos de forma segura

ContençãoNa hora de conter os equídeos é preciso primeiro observar o seu comportamento, para se ter ideia sobre a sua possível reação ao manuseio, como coices e mordidas. Dentre os fatores que podem indicar o comportamento é o posicionamento das orelhas, uma vez que os animais astutos geralmente abaixam-nas, demonstrando resistência ao aprisionamento.

O trabalhador deve se aproximar posicionando-se à esquerda dos animais, pois os equipamentos, como arreios e sela são colocados por este lado. Para pegar o animal é preciso manter uma posição calma, se aproximar com calma e vagarosamente, evitando que ele assuste com o cabresto.

Animais novos ou adultos mais mansos podem ser contidos com o auxilio das mãos, os potros não acostumados oferece risco durante o procedimento, pois podem morder e coicear. A contenção dos potros em posição quadrupedal pode ser feita, o trabalhador deve posicionar do lado esquerdo, passando a mão em volta da musculatura peitoral e a outra por trás da coxa na base da cauda. Os animais mais rebeldes precisam ser contidos por outros meios mais eficientes, como cachimbo, bridão, focinheira, entre outros.

Não é recomendável amarrar o animal pelo pescoço, pois uma queda ou tentativa de fuga pode causar asfixia levando os animais ao óbito. Quando os animais são colocados em locais baixos, podem se assustar com o barulho ou movimentos bruscos, saltando rapidamente podendo provocar grandes traumas.

Independentemente do comportamento calmo ou mais agitado do animal, é preciso que o trabalhador tenha cuidado e seja precavido na hora de contê-los, evitando que os animais se assustem e cause sérios problemas, tanto ao homem quanto ao próprio animal.

Fonte: https://social.stoa.usp.br/articles/0031/7323/2_conten%C3%A7%C3%A3o_F%C3%ADsica_dos_Animais_Dom%C3%A9sticos.pdf

Principais enfermidades causadoras de claudicação.

Terapêutica clínica e cirúrgica nas claudicações.

Doma

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo equestre gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Escola do Cavalo. Todos os Direitos Reservados.