Aumente seu conhecimento no mundo equestre
Junte-se a milhares de apaixonados por cavalos. Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.


Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Poliartrite em Potros

Poliartrite dos potros é uma doença que atinge as articulações e pode ser classificada em dois tipos, variando de acordo com o período de surgimento, dentre outras características.

A primeira delas é a Septicemia do recém-nascido. Neste caso a enfermidade é causada pela bactéria shigella equirulis, e aparece geralmente dentro de dois a três dias após o nascimento do animal, encontrando um ambiente propício no organismo que ainda não está totalmente imunizado, em virtude de pouco tempo de ingestão do colostro. A contaminação se dá por via oral e umbilical, sendo que durante a vida uterina as chances de contrair a doença são baixas.

Outra modalidade da doença é a Septicemia tardia que é causada pela bactéria strepcoccus pyogenes, sendo que os primeiros sintomas podem ocorrer somente depois de aproximadamente 15 a 20 dias. Tem como via de entrada principal a umbilical ou durante a vida uterina.

Ambas as doenças atingem as articulações dos quatro membros, provocando intensas dores. O animal, diante desta situação, permanece prostrado, com febre, tremores musculares, e ficam sem mamar, tendo com isso a saúde bastante comprometida. Há também alterações no formato das articulações, com inchaços e desvios, é constata a presença da diarreia, o que pode causar desidratação, sendo que casos mais graves pode levar o animal a óbito.

Nestes primeiros sinais, é preciso chamar logo um médico veterinário, que fará os exames necessários para a detecção da doença. Já o tratamento passa por injeções intra-articulares, a base de antibióticos, repousos e até mesmo cirurgias, dependendo de cada caso, sendo que quanto mais cedo o tratamento for iniciado, mais chances do animal ter a sua vida restabelecida.  

 

O profissional ao diagnosticar e prescrever o tratamento para animais com essa enfermidade deve estar atualizado na área.  Saiba mais.

Fonte: Recanto Animalia

Clínica e Saúde

Notícias

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)

Conecte-se ao mundo equestre gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Tecnologia e Florestas
© 2019 Escola do Cavalo. Todos os Direitos Reservados.